terça-feira, outubro 20, 2009

Geração Mal-formada (2 anos depois)

Há 2 anos atrás...publiquei este post...e como estou numa altura audisovisualmente revivalista ocasionada por conversas que vou tendo com os meus amigos...recoloco este post no ar...porque ainda hoje me rio com isto!


Ainda na onda dos desenhos animados da nossa infância, e com tal em vista, venho por este meio tentar arranjar uma explicação para a nossa geração que em tantas outras coisas é mal-formada, tem padrões de sociabilidade condenáveis (ou não...cada qual tem a sua opinião!)....e é traumatizada....

Sim, leram bem! Traumatizada!

Ora pensem nos desenhos animados com os quais crescemos....!
A Heidi, não tinha pais...e vivia com o avô....! Mais o Pedro e as cabras....!
Como é que isto não há-de fazer confusão na cabeça de uma criança? Uma menina sem os pais...apegada a uma figura paterna na pele de um Avô! Nós não sabemos, mas a Heidi, desenvolveu um semi-complexo de Electra na vida adulta e uma alergia ao pêlo de cabra...


Aqui temos a Heidi, a actualizar o seu perfil no Facebook.

Depois, temos mais dois casos deprimentes e de fazer chorar as pedras da calçada!
O Marco...que corria a Europa à procura da mãe...que agora já nem me lembro se o abandonou...ou deixou por alguma razão justificável....
E o Sebastião (do Bell e Sebastião), que corria os Pirinéus, também à procura da mãe...
Obviamente, estas duas crianças, não cresceram sem mácula psicológica!!!

Marco, numa foto na polícia judiciária, após uma vida delinquente.


Bell, Sebastião e Butch(x)i, numa alegra cena, altamente condenável!

Como é que estes dois rapazes, podiam algum dia ser felizes...! E nós, a assistir ao sofrimento destes miúdos nas demandas Europeias à procura de alguém que para nós era a figura mais importante...

A minha mãe diz-me que eu chorava copiosamente com isto...PUDERA!!!!....Muito me admiro como é que não cortei os pulsos!!! Ou não me meti nas drogas (O Bairro Alto ajuda!)....


Depois tínhamos a Candy Candy...Coitada desta rapariga...
Ainda me lembro do 1ro episódio...ela, a viver num orfanato, e a sofrer o drama, de lá ficar e ver a sua melhor amiga a ser levada por uma família de adopção...e ela para trás!
Quando finalmente foi levada, anos mais tarde apaixona-se pelo António, que morre num acidente de cavalo...
Eu, quase que me meti nos copos com isto....!
Mas não é tudo...sorte a nossa que a last season, não passou cá, mas apenas no Japão. Mas eu adianto, que a Candy Candy, se tornou numa professora primária, que eventualmente foi despedida, e não tinha dinheiro para se suster...Pobre rapariga!


Candy Candy a tentar o suicídio por defenestração!


Havia também a Ana dos cabelos ruivos que também era adoptada...e sofria as vicissitudes da vida...

Ana, "high as a kite" após inalação de estupefacientes leves. Meteu-se nas drogas e foi mais tarde presa por solicitação!


Com o D´artacão, foi-nos introduzido o conceito de adultério! A rainha Ana (de Áustria) de França tinha um affair com o duque de Buckingham (UK), isto nas costas de Luís XIII.


D´artacão posa para a foto, unaware que Julieta passa tempo demais nos aposentos da Rainha!

Com o D´artagnan, fomos apresentados ao trans-genderismo (é a palvra correcta?). Ou não se lembram que o viril e espadaúdo mosqueteiro Aramis, era na realidade uma viril e espadaúda mulher?




Aramis, conta o seu segredo...e usa e abusa de formas verbais pluralizadas da 2a pessoa do singular do pretérito perfeito!


Mas nem tudo, eram más notícias....o Ursinho Ted, vivia sozinho, desde tenra idade, o que incutiu uma definição de independência nas nossas mentes...mas lá está...só tinha uma tia!O resto da família, kaput, como dizia o Vasco Granja!
E o carteiro Pat, introduziu a necessidade dos cursos técnico-profissionalizantes.



Carteiro Pat, envergando um modelito Chanel-CTT, de casaco assertoado, que o favorece significativamente!


Após reflexão exagerada, sou obrigado a concluir que todas estas referências, subtil ou gritantemente incluídas nas animações da nossa vida, deixaram marcas indeléveis e traumatizantes nas nossas personalidades. Muitos de nós, decerto absorvemos e incorporámos estas referências, e somos hoje seres humanos debilitados de capacidades sociais e relaccionais.

Referências a animais (zoofilia!), morte deste tenra idade, abandono parental, e sexualidades diversas fizeram de nós seres traumatizados!
Será por tudo isto que eu sou bipolar? Da janela do meu quarto do Júlio de Matos, vejo tanta gente feliz (!?!?)...e eu? Já estava na hora de me trazerem o valium...

27 Reacções:

Tulaunia disse...

Hydra, não podia estar mais de acordo contigo, de todos os que enumeraste só não me lembro da Candy e tenho que acrescentar o Tom Sawyer, tb abandonado. Enfim, eu adorava ver os desenhos animados mas todos estes me deixavam profundamente triste.
Sou uma pessoa emocionalmente perturbada à custa destes desenhos animados :D

mik@ disse...

ahahahah mas que melodramatico que me saiste hydra! eu era consumidora assidua de desenhos animados, tb me caia a lagrimazita as vezes mas nunca fui muito de chorar. eu nao sou nada traumatizada cm isso poqrque eu vi-a aquilo e depois ia brincar pa rua toda contente e nao pensava mais no assunto.
agora que somos adultos vemos os disparates que sao,mas aos 8 ou 10anos, eu queria era ver tv e brincar... nao perdia tempo a pensar nas crises da vida nem a fazer associações nem descodificações de desenhos animados... era criança e pronto.
eu adorva ver o dartacao, o scooby doo, o mickey,tom e jerry e montes deles que agora nao lembro o nome, devorava aquilo tudo :)

mik@ disse...

esqueci de dizer... hoje em dia o telejornal traumatiza qualquer pessoa, os desenhos animados tao cada vez mais violentos... eu fui uma crinça feliz :)

medusasss disse...

Não podia deixar de concordar plenamente contigo!
Que dizer da Joaninha, cujo pai era um nobre inglês deportado para a Austrália? A pobre foi adoptada por uma família de camponeses, cujos dois irmãos (falsos) nunca esqueceram que a dita não era irmã verdadeira (apesar de ser segredo) e a amavam em silêncio...
Perturbador no mínimo, uma introdução soft ao incesto!
(muito obrigado pelo mais que amável comentário ao meu post! Não mereço.)

medusasss disse...

Não podia deixar de concordar plenamente contigo!
Que dizer da Joaninha, cujo pai era um nobre inglês deportado para a Austrália? A pobre foi adoptada por uma família de camponeses, cujos dois irmãos (falsos) nunca esqueceram que a dita não era irmã verdadeira (apesar de ser segredo) e a amavam em silêncio...
Perturbador no mínimo, uma introdução soft ao incesto!
(muito obrigado pelo mais que amável comentário ao meu post! Não mereço.)

Brama disse...

O que eu adorei este post ... aliás eu neste momento estou de rastos, embora não estejas a ver ... parte das minhas amarguras estão justificadas e ainda não tinha noção disso ... toda a animação que vi justifica muita coisa, muita angústia e muita dor ... sinto-me tão deprimido como me senti após ver "As Horas" de Stephen Daldry.

Psicologicamente a nossa animação foi mais martirizante do que aquela que visionaram os contemporâneos do Dragon Ball, não passa de violência gratuita, mas muito mais simples ...

TheTalesMaker disse...

Adorei , adorei este post.
És bipolar? Olha a mim acusam-me de ter dupla personalidade, mesmo sem me conhecerem. A razão? Por norma acontece quando digo que sou gémeos... Uuuuuhhh medo!!
lol

o eu do território disse...

e eu que nem me lembrava que tinha chorado horrores num dos episódios de Bana e Flapi aquando de um incêndio e a verdade é que só me recordei desse momento depois de ouvir pela primeira vez em mais de 20 anos a música de abertura... credo, para além de traumatizada tou cota :p

Jasmim disse...

LOL! Hydra, post espectacular! Bem, eu também sou desta geração e adorava estes desenhos animados, mais o Tom sawyer. Se nós somos traumatizados, então imagina os putos de hoje, com Dragon Ball, Doreamon, Pokemon e outros 'mons que tais, com características ainda mais psicóticas e irreais que estas? Pelo menos os nossos retratavam coisas possíveis de acontecerem! Não tarda compro alguns destes desenhos em DVD para matar saudades!

medusasss disse...

Hydrargirum, esqueci-me de te gabar no comentário anterior a legendagem mais realista que alguma vez vi relativa a um desenho animado.
Gostei muito.

miss gija disse...

adorei ver a heidi com o seu mac...não me importava de estar na sua posição (mas com um mac mais actual fafavor).
e verdade seja dita sou uma maria madalena...ficava ali em frente à TV com a garganta apertada, hj em dia choro mesmo :P A falta do Tom Sawyer é grave...pois ainda hoje adoro andar descalça ^^

Hydrargirum disse...

Tulaunia: Nao me lembrei do Tom Sawyer...a minha cabeça viajou tanto, mas...teve falhas pelos vistos:)Eu tb tenho os meus traumas:)

Mik@: Dramático eu (Diz Hydra, equanto limpa a sua caçadeira, e engole os calmantes!!!!)???? Eu sempre fui uma criança muito à frente do meu tempo, e pensava em tudo!:)

Medusasss: Obrigado:) Agora sou eu que tou flabbergasted!!!! Nao me lembro dessa Joaninha:( Ai...e mto obrigado pelo elogio à legendagem:):):)

Brama: Obrigado por teres gostado:) Qt às Horas, já partilhei ctg...;)

TheTalesMaker: Obrigado:) Nao, nao sou bipolar...pelo menos ate ver:) Dizem sempre isso dos Gemeos nao dizem?;) Discordo, acho que sao um mundo de atracção completo entre possíveis extremos de personalidade, complementado-se:)

O eu do territorio: Tu tá calada! Não me deprimas mais! Que eu tou mais velho que tu!lol...e chorão!!!:)

Jasmim: Mto obrigado pelas tuas palavras:) Podes crer, a geração de hoje em dia, está toda avariada:(

Miss Gija: Estava super moderna nao estava? Super chique no seu Mac, a configurar o MSN!lol:)..Eu tb choro...com tudo, desde anúncios a notícias...até hoje na Oprah...shiuuuuu, não contes a ninguém:)!!!

miss gija disse...

a tua heidi saiu daqui e foi directa para o meu avatar do msn...oh yeah e já tá a fazer sucesso ^^

Hydrargirum disse...

Miss Gija: Wow...lol...já tou a contribuir para o teu sucesso cibernético:) Vou querer, uma parcela de juros!;)

Pearl disse...

LOL
Realmente o trauma que os desenhos animados me causaram...
Por isso sou como sou e não tenho planos de melhorias!!!
Só pra dizer que cresci com esses desenhos animados e gostava... ainda hoje farto-me de rir com o coitado do Tom, pelas maldades quye o Jerry lhe faz, e não resisto a uns desenhos animados mais recentes mas que ressaltam os valores da amizade - O Recreio!!!
Gostei do post e do blog!!
:o)))***

Suspeita disse...

LOL!!! Muito bom!

Finalmente alguém que tem a coragem de meter o dedo na ferida!

Cris (Moii) disse...

ora bem , cheguei aki pelo blog da mika, e foi impossivel ir embora sem escrevinhar algo__ lool
Tb cresci com esses desenhos animados e foi com um grande sorriso k adorei ver a Heide toda moderna!! ehehe
...e sabes k mais, tenho saudades desses desenhos!! isto agora é so no karate e porrada__viva ó muskulos!!
:-D

>> nim disse...

fantástico post!

se me permites, é importante também não esquecer o tom sawyer (que vivia com a tia) e o bambi (que perdeu a mãe).

força aí nos revivalismos :)

vou adicionar-te aos favoritos, um abraço!

Hydrargirum disse...

Pearl: Obrigado pela visita e pelas palavras simpáticas:) Tb ficaste afectada, não foi? Eu tb...oh geração:) É verdade, o Tom and Jerry tb eram do piorio...pobre gato!

Suspeita: Mto obrigado! Eu meto o dedo em todo o lado!lol

Cris(moii): Obrigado por teres vindo e obrigado por teres gostado:)

>> nim: Mto obrigado:) Tens toda a razão...esqueci-me do TSawyer, já o tinha admitido...e o Bambi, foi uma falha tremenda, tinha dado mais graça ao post, pq a tb é deprimente....!Um abraço

ladybug disse...

Ora essa!!!! Há aqui qualquer coisa que não está bem....

Ursinho Ted? Carteiro Pat? No Ribatejo estes não davam! Tá visto que a minha educação ficou incompleta... Não me parece bem... nada bem....

Hydrargirum disse...

Ledybug: Não? Realmente é estranho...!É uma lacuna na formação da nossa geração;)...tb nao me parece nadinha bem!:)

Speedy disse...

O Aramis nunca me enganou. Falsaaaa

Hydrargirum disse...

Falsa e porca...Banho uma vez por mes???? Onde e que ja se viu isto!!!!

Ka disse...

ahhhhhh

Eu bem me parecia que o meu défice de sanidade teria alguma causa plausível... :D

Beijoca

pinguim disse...

Ainda bem que eu sou de um tempo mais antigo e já não vi estas bonecadas perversas; às tantas ainda dava em "maricas"...
Do que me safei!!!

MrWolfeye disse...

Realmente nunca tinha visto isto nesta perspectiva, mas de facto é verdade... Descubro agora o porque da minha tremenda tristeza interior... e eu que ate adorava o bell e Sebastião...

FigueiRita disse...

Vá... Só para esclarecer, a mãe do Marco foi trabalhar para longe... Ainda o vejo a correr para o porto aos gritos e num choro inconsolável... Bem... Afinal... A minha realidade encaixa-se por aqui... nalguns destes desenhos animados...