quinta-feira, dezembro 16, 2010

Os reis que voltarão em dia de nevoeiro...

Ele - Já viste o nevoeiro cerrado de hoje?! - De olhos arregalados periclitante.

Eu - Já...denso de cortar à faca... - Enfadado e hipoglicémico.

Ele - Daqui a momentos o Dom Afonso regressa pelo meio da bruma...! - Regozija pelo miminho ofertado.

Eu - Errr...Esse também se transviou? - Indaguei curioso...

Ele - Como assim esse também? - Retruca desafiado...

Eu - Pois não sei....eles realmente perdiam-se muito naquela altura.....! - O_o...



quarta-feira, novembro 10, 2010

O que se leva à boca...

Hydra-mãe: Hoje comi uma sarda!

Hydra: Tens consciência, que não há um único contexto onde essa frase fique bem!?!

domingo, outubro 31, 2010

Lie To Me

Eu - Opah, stick to the point!
Hydra-mãe - Deixa-me elaborar...sabes que gosto de falar!
Eu - This is getting to long!
Hydra-mãe - Se te calares, isto fica mais curto!
Eu - You've got to be kidding me!
Hydra-mãe - Achas que 'tou?!
Eu - You are annoying meeeeeee!
Hydra-mãe - Ehhh e tu não aborreces os outros!!!

Eu - Não acredito nisto...desde quando é que tu falas Inglês???!!
Hydra-mãe - Não falo....mas já conheço essas caras há 30 anos....pffff....

segunda-feira, outubro 25, 2010

EMELíflua do car@lho

Por força das circunstâncias, pressa e cansaço, parei o Hydra-mobile (Este sim, carro de homem), numa rua contígua ao VdG...rua deserta tal era o cedo matinal...nem vivalma, nem vivomotor...nicles...nem o tufo do faroeste a rodopiar ao longe...

Pensei...a esta hora, não deve haver nenhum mete nojo por aqui...vou e venho num saltito hydratante...e como não tinha moedas comigo...e decerto que haverá uma filha da put@ de uma lei orgânica que concorde comigo...não paguei o parquímetro...!

Fui e vim, saltitando graciosamente de nenúfar em nenúfar...e quando chego ao carro...vejo um envelope...um ENVELOPE DA EMEL....naquela rua deserta, onde não devia haver nenhum ranhoso de maquineta em riste...

Sondei a área e apanhei o bandalho...


Eu - Olha lá...não tá aqui ninguém...não 'tou a incomodar ninguém...Lucras assim tanto com uma multa???

Bandalho - Não tenho nada melhor para fazer!!! - Ripostou irónico.

Eu - Não tens?...Nem uma licenciatura?....Peugeot leva U e não leva J, tá escrito na parte de trás do carro oh ignorantão!


E saí dali rumo ao meu destino, e ele possivelmente rumo a uma psicóloga!

quinta-feira, outubro 21, 2010

Petições a submeter

Peço deferimento às seguintes abaixo mencionadas petições, de modo a estabelecer um mundo de concórdia e calmaria ao meu redor:


1- Mulheres heterosexuais, devem ser proibidas de conduzir...! dá-se-me uns nervos, irem ali, seja em que faixa for, naquele marasmo indeciso, sobre acelerar, fazer fada do lar, ou aplicar rouge...! Querem andar de carro, cinjam-se à faixa da direita sempre! Não aprenderam no código que quando uns máximos surgem atrás de vocês, é porque DEVEM mudar de faixa ASAP já que estão a atravancar o trânsito?

2- Proibida a entrada em ambientes de culto corporal e afins a todas as pessoas que aparentem ter saído de Rivendell, Tatooine e/ou tenham saído do Tardis do outro.

3- Pessoas que espirrem, tussam, ou simplesmente metam nojo, estão expressamente proibidas de manifestar actos corporais afins aos verbos usados, em espaços exíguos tais que sejam, elevadores, quartos e/ou salas de área diminuta, sob perigo de electrocução instantânea.



quinta-feira, outubro 14, 2010

Diz-me que carro tens, e te direi se passas ou não...

Setting the scene

Saí do ginásio feliz sorvido, e ligeiramente claudicante na perna esquerda dada a violência do treino.... esgazeado percorri a calçada enquanto coçava os tintins circunspecto...! Sim, que eu cá sou macho, mas sou discreto...não vejo necessidade de alardear testosterona nem de abanar o badalo em hasta pública!


Preparo-me para atravessar a passadeira...quando denoto a fúria acelerada de um Smart a tentar vencer-me na travessia....


Ora, sendo eu esta charmosa besta que me assumo, e achando que aquela pouca parra, jamais deveria interceptar a minha trajectória...acelerei o coxeio, de modo a forçá-lo a parar...que eu cá peão exijo direitos rodoviários...e detive-me ali no meio da zebra em câmara lenta à mete nojo....! 



O sabre e o florete

Pois que volvidos alguns largos segundos intemporais...e eis que o condutor assume a veleidade de vociferar insolente de cabeça fora daquela caixinha de amorfos:

- Até parece qu'isso é uma passerelle!!!!!!!!!?!?!?!?!?

Muito calmamente e de ligeiro trejeito sorridente, volvi um regalo:

- Até parece qu'isso é um carro d'homem!!!!


E gastropodicamente retomei a marcha....mas sem a gosma claro!


Termo

Um Smart não é um carro...é uma porcaria, que ocupa um lugar de estacionamento onde um carro deveria figurar... Favor de quem tem um, de fazer psicoterapia e de se afastar de rodovias!


quarta-feira, outubro 13, 2010

Espelho meu...haverá alguém mais imaculadamente penteado numa aula do que eu?

- Olhem p'r'aquele ginasta que sempre que passa em frente ao espelho pára para se mirar...! - Disse o Prof de BodyAttack.

- Quem será o mongo!? - Pensei eu, já em jeitos de troça, face à companhia da aula que obviamente se teria apeado do Expresso de Hogwarts.

- Tou a falar contigo Hydra! - Disse o Prof.
 
Eu não tenho culpa de ser atraído por superfícies reflectoras...sou como os cães!

segunda-feira, outubro 11, 2010

Ictio-ssincracia!

Numa consulta de lana caprina...retorque-me assertiva a médica, de olhar indexado à superioridade...e atasca pedestre:


Ela - Talvez por isso, essa perca!

Coço a barba enfadado pela jactância mal fundeada e atiro-lhe:

Eu - O que é que o peixe tem a ver com isto?

domingo, outubro 10, 2010

Crash, Boom, Bang....Estás fora de moda!

Pobre coitada, martirizada e aturdida por uma colisão com outro carro....Estava essa nossa amiga, regressada ao nosso meio, contando desassossegada a sua epopeia motorizada de chapa amolgada e que tão afincado traumatismo lhe havia trazido...!

Todos ao seu redor hauridos pela dor veiculada e compugidos com a descrição atroz do embate e mais as onomatopeias que coloriam o discurso voraz de quem temeu pela própria vida...!

Eu?...Eu só pensava acerca dela...."Aquelas riscas vermelhas da camisola, não combinam nada com o casaco preto!"

Senti-me um pária emocional...acho que não tenho coração....e pior...acho que ela ficou daltónica com o abalo!

segunda-feira, setembro 27, 2010

Não matarás em pensamento!

En passant no VdG...encostado a uma montra a salivar para uns tennis...tive a desdita de ouvir a conversa entre o par de jarras que encostado à cúspide entre-montras depunha:



Ele - (...) E depois há ainda um templo de Diana nas coisas mais maravilhosas do mundo...

Ela - Ah pois há....aquele em Évora...mas não o achas muito pequeno para ser uma maravilha do mundo? - Profere, agitando os braços em treca-treca como se fosse filha de Heródoto!


Não aguentei o abismo sináptico da dupla Tweedle-dee-dum e investi:


Eu - Peço desculpa...em Éfeso...templo de Diana em Éfeso!

Ela - Ai a praça chama-se assim? Curioso, até fica bem!...Templo de Diana em Éfeso em Évora...

Eu - É...realmente é um nome muito estúpido! O_o


(...)


E naquele momento cometi pecado em pensamento!

domingo, setembro 26, 2010

Nova linha de tecnologia



A marca LG, vai lançar uma linha de telemóveis dedicado a todos aqueles que se destacam dos demais por atributos de mérito próprio. Esta nova linha da LG sensível ao toque vai chamar-se BT!

Já ouço os guinchos ao longe!

sábado, setembro 25, 2010

Piu!

Ela - Tens um estômago de passarinho!

Eu - É como o teu cérebro!

Ela - O que é que queres dizer com isso?!

Eu - Precisamente!

Ela - Ahn?!

Eu - Crisan!

quarta-feira, setembro 22, 2010

A melhor anedota do mundo!

The Duracell bunny has been arrested!

He was charged with battery!



(Esta anedota é LINDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!
AHAHAHAHAHAHAHAHAH)

terça-feira, setembro 21, 2010

I'm so gonna end up alone!

Estava eu em suave tertúlia com um amigo, quando nos interrompe uma amiga de uma outra amiga nossa, que sendo a primeira vez que nos via, achou por bem interromper a conversa alheia, alvitrando na minha direcção:


Ela - És mesmo o meu tipo...magro e giro....deves ser um quebra corações....e tu sabese-o!

Eu - Não, não sei! Tenho uma neuropatia profunda ocasionada por sentimentos de abandono parental, que criaram uma dismorfia potenciada, provocando negatividade projectada sobre mim, levando-me à auto-rejeição de positivismo, sabotando a imagem percepcionada que causa o resvalar de elogios...! 

Ela - Errrr.....vou voltar para ali....



Viro-me para o meu amigo e vozeio:

- E é assim que se afastam as pessoas que não sabem conjugar os verbos!

domingo, setembro 19, 2010

Erudição e Mitologia às tantas da manhã!

LM - Vamos p'o Lux?

Hydra - Vamos Castor?

quinta-feira, setembro 16, 2010

Méééééééésmo gira!

Perto de Hollywood, duas cabras estão a comer calmamente, um rolo
de filme abandonado junto a um estúdio de cinema. 
 Pergunta uma:
- Então, estás a gostar?
Responde a outra:
- Gostei mais do livro.
 
 

quarta-feira, setembro 15, 2010

Margaret Mitchell goes edelweiss

Eu - Alguma vez viste o E tudo o vento levou?

Ele - Esse não é aquele filme daquela que cantava em cima de um monte?

Eu - Esta se calhar também cantava, mas duvido que fosse com a mesma alegria...

Ele - Como assim...

Eu - Acho que passava fome...



O_O


(Agora digam-me se eu não sou um miminho que apetece levar para casa?)

terça-feira, setembro 14, 2010

Sopa me conhecer melhor...

Alguém que me ajude, pois não sei o que fazer à minha vida de tão desvairado que estou!
Acomete-me uma hecatombe gastronómica dada a indecisão que cruzo!

Devo comer a sopa fria, e chamo-lhe vichyssoise, ou aqueço-a e chamo-lhe consomme???

Alvíssaras a opiniões pefavor antes que morra de fome!

Para esta semana fica a sugestão...




Eu por cá...terei de a deixar ligada né?....Humpf...

domingo, setembro 12, 2010

Help...I need somebody!

Expressão enigmática num olhar, escondida por óculos de sol. Luz quente e penetrante reflectida e refractada em mim, por mim, para mim. Cabelo afagado por uma ligeira e seca aragem. A pele beijada por um toque acalorado fervilhante nos poros.

As placas hectométricas aludiram-me a um vermelho...nele parei e me detive...
Perdido no horizonte, de fito vago, miscigenei o meu semi-cerrado contemplar nas linhas difusas batidas pelas luz branca e forte...

Nisto...um par de mãozinhas imundas e de unhas mais surradas que a frente de uma Toyota Hiace na apanha do tomate Ribatejano, afincam-se na porta do meu lado, cobrindo vasta área daquele interior só meu...

Antes que o interpelo saísse daquela boca conspurcada, que mal foquei tamanha fora a intensidade da luz, e pejorado pela audácia do toque alheio à minha propriedade, ladrei entre ciclos de inspiração profunda controlada:

- Tira....as mãozinhas...encardidas....da minha porta....! Agora...chega-te....para trás lentamente....!!

Rugi duas aceleradelas...e avancei ligeiramente o Hydra-bólide...um centímetro para me destacar do opróbrio da situação e do alcance do espectro...

Alguns segundos depois ouço...:

- Hydra???...Sou o Miguel...andei contigo na escola...ajudas-me aqui com um furo!!!!????

quarta-feira, setembro 08, 2010

Quem não achar graça, que saia pefavor!

1ª anedota (Esta inventei-a eu hoje...passei o dia a rir por isto ser tão giro, e por achar que tão giro sou!)


There were two guys standing outside. One left. The other right!


2ª anedota (ouvi-a como retruco à minha contribuição...e elejo-a (credo que palavra horrorosa!) como a mais imaginativa que já ouvi...é linda!)

Have you heard about the crow that won an Oscar? He was outstanding in his field!

terça-feira, setembro 07, 2010

Perspectivas

Num almoço de trabalho, enquanto se comia sopa como entrada aos acepipes, veio ao alvitre uma colega enquanto sorvia a beberragem:


Ela - Adoro sopa...e ainda mais adoro comê-la em casa da minha mãe, com uma colher grande que ela lá tem!

Hydra - Chama-se concha! - proferi no mais blasé que consegui sem jamais retirar o olhar do prato...


(...)

segunda-feira, setembro 06, 2010

Tudo se leva à boca!



Eu até oferecia....mas até apostava que não iam querer....o_O

domingo, setembro 05, 2010

5 Setembro 1946

É nestas repetições galopantes que me sinto anacrónico ao que me rodeia...e o tempo que não cessa, voa e o que parece que foi ontem, já o foi outrora...


Happy Birthday Fred


5 - Sept - 1946



video

Montreux - 2009

sexta-feira, setembro 03, 2010

The Lion, the Witch and the...

...


M - Sabes, sou gay....! Os meus pais não sabem de mim...os meus amigos também não...lá no trabalho também ninguém sabe...fora isso, estou completamente assumido...errr...hum...achas que estou muito dentro do armário?


Hydra - Muito dentro do armário??? ....Tu estás em Narnia!!!!!

Túnel de vento

 1º Dia

Ela - Tu és o Hydra?
Eu - Sim sou eu....
Ela - Eu sou a Susana.

 2º Dia

Ela - Tu és o Hydra?
Eu - Sim sou eu....E tu és a Susana, certo?
Ela - Sim.

 3º Dia

Ela - És tu o Hydra?
Eu - Sim, sou eu Susana, é a terceira vez que cobrimos isto!!!!
Ela - Desculpa, tenho péssima memória para nomes e caras!

  4º Dia

Eu - Olá Susana....!
Ela - ??????????
Eu - Como é que tu entraste aqui?...Há algum contingente que me tenha escapado?

quarta-feira, setembro 01, 2010

Afinal é Filipe....e quase microscópico




Tudo mudou, desde o nome à raça.

Afinal é um Yorkshire Terrier...

E da lista de leste de nomes infindáveis e outras coisas que tais que a Hydra-mãe tinha em mente, os planos foram-lhe gorados...baptizei-o de Filipe (how fitting...a dog that loves horses...I would imagine!)....e o cão reagiu logo....
E de Filipe, a Filipito...a Pipito...e afins, foi um pulo...e isto só pela minha parte....I just love to give love!!!!


Uma razão para visitar os meus pais more often!

quinta-feira, agosto 26, 2010

A importância de se chamar Ernesto...

Breve diálogo entre moi e Hydra-maman acerca do possível ba(p)tismo do canito:



Ela - Anda farta de pensar em nomes!...Que tal Tito?

Hydra - Hum...too much Jugoslávia...e marechal.....!

Ela - E Dimitri?

Hydra - Hum...Grita Mendeleev...e tabelas periódicas...!!!

Ela - Também pensei em Vladimir?

Hydra - Lenine, num cão?... Oh mulher, larga o leste, que é que se passa contigo? 'Tás em modo Anna Karenina?

Ela - Então que nome é que lhe darias...?

Hydra - Ou Freddie, ou Brian...ou Roger...ou John....!!!!

Ela - O_O....Pois.... lá tinham de vir os Queen....!!!! Mas o cão é meu...!!!

Hydra - Então não me perturbes a psique com escolhas para lá de slavicas e que traumatizarão o cão...!!!!

Ela - Traumatizar???...E que tal Pavlov, hein?


(Pobre cão....Mais um membro daquela família a precisar de terapia num futuro!)

quarta-feira, agosto 25, 2010

Pssst?....I've got issues you know?

Serve a presente para vos anunciar que creio que seja um bocadinho alexitémico!


Não há nada, como me levantar num anfiteatro imenso, repleto de gatos pingados e apresentar-me numa breve sentida e compassada sinopse:


 - Olá pessoínhas, sou o Hydra, sou alexitémico, triskadecafóbico e sinestésico!



Vá...levantem o braço quantos de vocês poderão dizer o mesmo????

segunda-feira, agosto 23, 2010

Cãoração de genetriz

Para colmatar e preencher o vazio emocional ocasionado pela minha partida, a Hydra-mãe, quer comprar um Chihuahua!

...
...
...
...
...
...
...

Ora tão GRANDE vazio emocional, será certamente tido em conta, na altura de lhe escolher um lar!





(shiuuu...isto aqui entre nós claro...vai levar com a vista p'ro saguão c'até anda de lado!)

domingo, agosto 22, 2010

ZONa perigosa

E a ZON continua...! Liga-me ontem um moço afoito, preocupado com a minha satisfação ao serviço...

Após explicitação detalhada do que me satisfazia e do que não me satisfazia...promete-me ele o seguinte:


Ele - Então senhor Hydra, nós durante 48 horas vamos proceder ao monitorizamento do seu modem!

Eu - Uau... monitorizamento...Vocês conseguem fazer isso?

Ele - Sim conseguimos...

Eu - Fico sempre surpreso perante impossibilidades...

Ele - o_O ????

Eu - (assobios!)

Joguemos à Sueca



Depois de um dia de IKEA em IKEA, na minha demanda...também acho que muitas coisas que eles por lá têm o são!!!!

sexta-feira, agosto 20, 2010

Quando a horiZONtalidade faz estremecer

O tipo da ZON, voltou hoje cá a casa, para re-testar os sinais do cabo...
Rotundo sem ímpar, e amplo como mais ninguém...este lipo-pesado mirava-me como se a qualquer momento fosse soçobrar pela mão do calor...arfava em sofrimento e transpirava em jorro....o seu tom, adusto pelo sol que lhe quebrara o alvor!

Deixei-o em frente à tv a carregar nos botões dos comandos...e a emitir sons guturais vindos de um profundo pulmonar...

E distraí-me a arrastar umas caixas, que eventualmente decidi pegar em força...e muito a custo atravessar a sala em esforço, já que o peso e volume das ditas me travava a visão e a velocidade.


Nisto, o tipo, numa atitude capciosa, alvitra jocoso:

- Se você cair com as caixas, dou-lhe 5 na escala de 10!


Atónito, com o despropósito ignaríssimo, volvi-lhe num rosnar:

- Se você cair com os comandos, dou-lhe 5 na escala de Richter!

quinta-feira, agosto 19, 2010

God gives nuts, to the teethless ones!

Ele - Morei em Marrocos.

Eu - Em que cidade?

Ele - Em Casablanca.

Eu - Play it again Sam!

Ele - Desculpa?

Eu - Play it again Sam! Uma referência!

Ele - A quê?

Eu - Ao Casablanca.

Ele - Sim, foi onde morei, e então?



(Eu sou tão mal empregue, que tenho ganas de cortar os pulsos!)

segunda-feira, agosto 16, 2010

14 de Agosto...novamente, damn the repetition!

Fiz 34 anos....! Ou vinte e quatorze, em linguajar corrente!


Ora pensar-se-ia, que aos 34, eu seria portador de uma maturidade notável, um semblante sério e composto, um sorriso ténue e impassivo e seguro face às adversidades da vida, uma inteligência emocional fora de série e um propósito existencial que me levaria a almejar os círculos mais circunspectos da sociedade.

Ora pensar-se-ia....

Agora leiam o que escrevo, e digam onde é que tudo isto correu mal? 
 

Monsieur de Treville...

...Je vous presente:



A rede que não deixa passar nem o Athos, nem o Porthos nem o Aramis!...



...(mas mosquitos passam!)

domingo, agosto 08, 2010

Prioridade

Em condução e ao virar aqui na zona, numa estrada, na qual eu tinha todo o direito rodoviário que me assiste, cortei a passagem, e devidamente reforço, a uma senhora ciclista.

Ora esta, em défice de código de estrada, achou por bem interpelar-me do alto do seu cabelo despenteado e não motorizado, e possivelmente albergando uma ou outra natureza morta e gritou-me janela adentro:

- Só não me deixas passar porque vou montada numa bicicleta!!!!

Nada injuriado com o impropério descabido e o tratamento "por tu", mas ligeiramente aviltado pelo padrão do cai-cai envergado, retorqui com ênfase em crescendo:

- Tu até podias vir montada num unicórnio...e eu continuaria a ter prioridade!!!

E acelerei estrada afora, a levantar muita poeira à lá Out Run!

sexta-feira, agosto 06, 2010

Inçuçesso Xkolar



Por mim, serias obrigado a escrever 100 vezes "Fod@-se" por todo o carro para aprenderes a conjugar verbos reflexos!

Como se mata uma conversa - parte 6

Local:
 Uma famosa loja de ferragens e acessórios menáge e ambientes circundantes ao lar...Uma loja que AKI nunca se poderia mencionar...

Local específico:
Assomo à caixa...e deparo-me com uma senhora de vários hectares, mal equilibrada no assento, já que a maior parte da sua área sobressaía e se projectava afora dos contornos de apoio...
A sua boca? Disforme, tal era a quantidade de comida mal amanhada e mal metida buraco adentro à pressa, que a fazia contorcer-se penosamente a trincar e a revolver aquela argamassa demorada....

Diálogo:
Finalmente, ao fim de largos segundos de movimentos maxilares forçados, se lhe irrompe a voz, mal urrada daquele bucal cheio:

- Credo, onde é que eu vou parar a comer desta maneira?!!!

- Ao Discovery Channel? - Respondi eu atónito.

Nojo:
Curiosamente, o rebate da minha saída, provocou-lhe uma gargalhada tal, que fragmentos de bolo (julgo ter sido bolo!) sairam balisticamente humedecidos e foram projectados para a bancada da caixa, a poucos centímetros de mim...Estaquei siderado!


Fim:
Ela, muito vermelha, atrapalha-se e balbucia aquilo que se entenderia por desculpas...
Eu...olho para o tecto, e trauteio um pouco de Vivaldi...

sexta-feira, julho 30, 2010

Al-maminha gentil que te partiste!

Situação:

Ontem em Sintra, sentados num banco de pedra diametral ao palácio da vila...estava um casalinho romanticamente nojento envolvidos numa volúpia repulsiva.

Tudo isto até seria normal...não estivesse ele habilmente a lamber um mamilo da menina!!!!



Conclusões:

1) A menina estava lactante, presumo.
2) Ainda que chocado com a cena, senti um piquinho de inveja....confesso!

terça-feira, julho 27, 2010

Como se (me) mata uma conversa - parte 5

Ela - 'Tou-te a ligar porque só tu me deves saber responder a isto!...O que significa ignaro?

Hydra - Ignaro... assim de repente, é o mesmo que néscio...errrr...estulto....estroso...inepto...estólido até....!

Ela - Ahhhh....e isso tudo assim de repente....'tá bem....! Não ajudaste nada!!!!

Hydra - Não????

Ela - Não! Pedi-te um significado, não uma "tarde com sinónimos"...!!!

Hydra - o_O



(Adoro quando me calam...! That's how I like them...fierce!!!!!)

segunda-feira, julho 26, 2010

É só isto que me apetece dizer em relação ao calor...


(!!!!)

quinta-feira, julho 22, 2010

Permitam-me que abra um parêntesis

(

terça-feira, julho 20, 2010

Muse-icoll para vocês meus pequenos póneis

video


Para vos mostrar que até há partes de mim muito boas e generosas, mas que a decência me trava ao vislumbre desta grande rede social...aqui fica uma colage de apontamentos Muse-icos do Love is forever...

Tive o cuidado de disfarçar as mãos...pois tenho um contrato com a Palmolive!

Pronto, há de facto um glitch lá para o fim...mas "Herrare é o mano"...e mesmo assim eu púzio (como diz um amigo meu! *Suspiro*) no filme....!


PS:  Ai puzestese-o? ....(Que é a contra resposta que dou sempre!)

Ofensa química - parte 2

Cenário: Farmácia...! Após variadas e desgovernadas vãs tentativas para explicar o que queria, como queria e em que quantidades devia ser misturado...exaspero-me com a tipa que me (des)atende e expiro em desespero fenolftaleínico:


Eu - Isto não é real.....! A senhora tem pH 14....!

Ela  - O que significa isso?

Eu - É super báaaaaaaasica!


Transpõe a distância um colega dela...que se dirije a mim e confessa-me em surdina....:

Ele - E quando não é 14, tem pH 7....neutra que até enjoa!


(Aleluia que um dia, havia de usar a tagline deste blog em contexto!)

sábado, julho 17, 2010

Como se mata uma conversa - parte 4

LM - Gostas do conjunto que faz esta blusa com estas calças?

Hydra - Acho horroroso! É como atravessar o Cartaxo de carro!

LM - ... o_O

Hydra - ...*suspiro*...



(E o prémio Mister Simpatia vai paraaaaaaa.........)

quinta-feira, julho 15, 2010

Hydra Oliver Twist


I write like
Charles Dickens
I Write Like by Mémoires, Mac journal software. Analyze your writing!

 Apropriado aqui



Realmente a minha vida é um conto de 3(!) cidades...Lisboa...Londres...Lausanne...(Deus, livra-me de aliterações geográficas e não me leves para Leixões)....


Enfim...foi o melhor dos tempos....foi o pior dos tempos...e debalde passo a vida cheio de great expectations...sempre agarrado ao fantasma do natal passado....

Como se mata uma conversa - parte 3

RC - Achas que sou interessante?

Hydra - Acho...do ponto de vista científico!



(Auch...bi-atch!...)

quarta-feira, julho 14, 2010

Como se mata uma conversa - parte 2

RS - Onde estiveste?
Hydra- Lá em cima, em frente ao espelho!
RS - A fazer o quê?
Hydra - A reflectir!


(!)

terça-feira, julho 13, 2010

Como se mata uma conversa - parte 1

RC - Tu és deslumbrante!

Hydra - E tu tens cataratas!



(Além de ser mentira, eu não sei lidar com elogios! E a culpa é da minha mãe....!)

segunda-feira, julho 05, 2010

A propos...

 Taken from Maria (who shall never be a nun!)


Eu não tenho culpa...a sociedade é que me fez assim....E como qualquer bom cristão...retribuo...e como sou aplicado, diligente e pró-activo, faço-o com ênfase!

sábado, julho 03, 2010

Resposta ao post anterior!

Pródromo

Credo...Eu sei que sou uma besta...mas não sou uma ínvia pessoa...sou até bastante pérvio...vocês sabem disso...! Tenho é este lado britânico que me confere laivos de bestialidade comunicativa e alguma rusticidade social, que me tornam no ser único e  misterioso que sou e bastante atractivo...entourage dixit!
Sou uma alma simples...muito terra à terra....um despojado, portanto!


Prosseguimento

E se querem saber, eu e a desinformada piquena, retratada no post anterior, ficámos mesmo amigos...tanto tanto que terminámos a noite nos braços um do outro dentro do meu carro, a lambermo-nos mutuamente em exacerbada volúpia libidinosa, e a chocar as cremalheiras e narizes quais Inuitas no debute.


Expiação

O Prosseguimento é completamente mentira. Eu jamais sujaria o meu carro!

sexta-feira, julho 02, 2010

Deep Space Nine inside your mind

Hydra em festa de aniversário makes new acquaintance e no meio da conversa sem nexo nem plexo, ousa alvitrar pela rama:

Eu -Qual o teu peixe favorito? - Ouriço do mar.
Eu -Qual a tua fruta favorita? - Morango.
Eu -Algum vegetal que desgostes? - Tomate.

Não aguentei a trilogia Júlio de Matos, retorci o olhar com estranheza à primeira resposta e expeli com enfado:

- Ouriço do mar não é peixe, é equinodermata. Morango tecnicamente não é fruta. E tomate sem dúvida que não é um vegetal! ....Mas és muito simpática!!!!

E alcancei um acepipe!

domingo, junho 27, 2010

Hydra mostra pilinha




(Hum?...Esperavam diferente? Cambada de porcos! Humpf!)

segunda-feira, junho 21, 2010

A lengalenga? De-Coreia toda!

Não entendo...

Fazem televisões...fazem carros...fazem computadores....chips electrónicos, equipamento laboratorial, satélites e telemóveis...

E não são capazes de chutar uma bola????


PS: O meu 1ro post de futebol em tantos anos de blog; upa upa! Escorre-me testosterona pelos queixos abaixo! Mais um pouco e até sopro numa vuvuzela...!

sábado, junho 19, 2010

Acidente automobilístico

Quando viu a Dina Aguiar, a Maria Guinot para fora da estrada!




(*suspiro*)

terça-feira, junho 15, 2010

Cuidado com a frente!

Em faixa de rodagem de paralelepípedos, em velocidade de cruzeiro, dentro do hydra-mobile, ouve-se um barulho vindo do exterior:


Eu - Ouviste este barulho, lá fora?!!? - Esbaforido.

FF - Não te preocupes que não atropelaste ninguém! - Responde apaziguador e fleumático.

Eu - E mesmo que..! Desde que não me amachuque o pára-choques! - Alterquei empáfio!

...

É tão lindo, constatar o Ser maravilhoso que sou. A concórdia e a candura que de mim exsudam. O amor ao próximo. O orgulho de uma mãe. Uma besta neurótica com a merd@ do carro!

quarta-feira, junho 09, 2010

Humor questionável?

Chegados ao carro dela e após contemplação do capot, que pelos padrões revolvidos do pó assentado, apresentava provas de alguém se lá ter esfregado, eis que ela irrompe interrogativamente histriónica:


Ela - MAS QUEM É QUE AQUI SE ROÇOU?????

Retruco eu cândido e apaziguador:

Eu - O Jean-Jacques?


E brotei uma gargalhada que sucumbiu solteira...



PS: Sou só eu que acho tanta graça ao que digo?

quinta-feira, junho 03, 2010

Blanche Elizabeth Hollingsworth Devereaux

21 Fev 1934 - 3 Jun 2010



Dorothy: There's a man in the lawn!?!
Blanche: Quick, get the net!!!

quarta-feira, junho 02, 2010

Ofensa química - parte 1

Depois de ter sido antagonizado, provocado, exasperado e aturdido pela senhora do balcão do posto médico, que me desatendeu em modo "Trissomia Mendeliana auto-induzida", achei por bem nunca perder a pose e agraciá-la educado com um lamiré instrutivamente académico sobre elementos químicos:


- Por toda a sua prestação, você é uma grandessíssima junção de Plutónio com Tântalo, e uma grande mistura de Cálcio, Boro e Rádio!







Finalmente uma aplicação útil para a tabela periódica!

terça-feira, junho 01, 2010

Concurso

Termos e condições:

1) Descubra o erro na foto e habilite-se a um abraço, beijo ou lambidela, numa parte do corpo que rime com a localidade da sua proveniência.

2) Avisam-se as meninas de Barcelona, Tarragona e Girona que este concurso não está disponível nas áreas menciondas.

3) Nem tão pouco o concurso contempla meninos provenientes da Picha, concelho de Pedrógão Grande.




Hotel Melia em Gaia

domingo, maio 30, 2010

O peão do inferno

Sábado à noite...!

Um carro galga o passeio onde eu estou...travando-me a marcha ritmada e tão cheia de estilo, yóooo!

Senti-me oprimido no meu papel de pedestre...chego-me à janela do condutor e vocifero:

- Hey...carro, estrada...estrada, carro...peão, passeio....passeio, peão! - Adicionando gestos indicadores ao meu discurso para melhor clarificar a distinção dos conceitos!

O condutor olhou-me esbugalhado revirando ambos os lábios para o interior da boca, surpreso!

Continuei, com desfaçatez:

- Percebeste? E na próxima aula vamos cobrir sólidos geométricos!

Rosnei e alcei perna a perna por cima do pára-choques, retomando o préstito da noite!

sexta-feira, maio 28, 2010

Priapismo musical

Estou aos pinotes de satisfação musical.
Atiraram-me a uma cama de colcheias e faço amor com bequadros e sustenidos de maneira violenta e arrebatada. O suor escorre-me pelas costas enquanto arremesso a clave de Sol escala de adentro em compassos repetidos e em crescendo até explodir em fusas e semi-fusas, espalhando bemóis por todo o lado...
E como sou homem de canon sexual...lá seguimos nós para um da capo...





A nova música dos Muse para o filme Twilight!
Estou completamente PITAFÓRICO!!!!!!

quinta-feira, maio 27, 2010

De nervos em franja

Ahh gravidade que me puxas a franja abaixo
Ahh humidade que me acachapas a poupa


(E é este o drama que me persegue ultimamente e que me levou ao tique de estar constantemente a pentear a franja para cima, como quem diz "Olá tia, 'tá boa?"...em trejeitos!

Por tal, a outra até diz de mim que sou emproado, mas eu juro que sou do mais simples que pode haver...sou super acessível e até uso tupperwares!)

Vagueio...voltemos à poupa!

Estava eu expectante a soçobrar o limite do passeio flanqueante à avenida quando uma rajada de vento me afinfa com a poupa para baixo tapando-me os olhos, num ápice e movimento dengoso, ergo a mão direita e ajeito a dita na posição expectável.

Nisto, concomitante à valsa corporal do ajuste capilar, pára um carro de praça no alcatrão, abre o vidro do passageiro e urra-se lá de dentro:

- Quer um táxi?

Ao que eu respondo categórico e impassivo:

- Não, estava apenas a ajeitar a poupa!

quarta-feira, maio 26, 2010

Blas-fêmea de sucesso



Estou ansioso pelo próximo single desta maior cantora internacional contextual da actualidade. E anseio também pela versão 12 polegadas remixada do seu maior sucesso.

Rumores dizem que sairá também um edição limitada em vinil abençoado.

You go Sister!




PS - Vou levar nos queixos de Osíris que até ando de lado!

segunda-feira, maio 24, 2010

Na arte de seduzir...que se evite recurso ao foro mental

Toca o tfone, uma voz que não ouço há 13 anos:

(...)

Ela - Mas e então?...Já não falamos desde 1997...mas só posso falar do presente...fala do presente rapariga... é o que a minha psiquiatra me diz...para falar do presente...! (expele disconexa e de voz acelerada como a quem estupefaciente cruza nas artérias!)

Eu - (transido de surpresa e medo)....eeerrr....ok....(sorriso idiota e expiração forçada pelo nariz enquanto soergo o maxilar superior acima dos caninos frontais!).

Ela - Eu continuo a gostar de ti...e também sei que gostas de mim!! EU SEI!

Eu - Mas eu não te vejo há 13 anos...não falamos há 13 anos...nunca mais me lembrei de ti para ser franco...

Ela - Se calhar é por ser obsessiva e compulsiva com neuroses acentuadas...é o que me diz a minha psiquiatra! (reforça apressurada!)

Eu - Tenho de ir...estão a chamar-me!

Ela - Não ouvi nada...de onde?

Eu - Do Equador... foi muito ao longe, mas eu ouvi...e agora....eeerrr tenho de ir...porque a viagem ainda é longa...(e um estrondo deglutido atravessa-me sofrido a traqueia como uma bola de espinhos!)

Ela - Ahhh, então vai lá....mas eu ainda gosto de ti!!!!


(...)



Diagnóstico:

Não sei se mais atónito estou com o teor da conversa, se pela desculpa do Equador ter resultado...

Tenho medo...estou com medo!!! Não vou sair mais de casa!!!

domingo, maio 23, 2010

Recado à Lili...

...Caneças!


"Maria Alice,

Com grande gáudio pessoal, acabei de a ver na tv a discursar irisada toda uma miríade de paletas e feitios para os vestidos a usar nos Globos de Ouro.

Apenas quando evocou 2 vezes nas possibilidades cromáticas a cor "rosa shocking" senti um ímpeto desgovernado de retornar a tempos idos onicofágicos, pelo embaraço sentido.

Não conheço esta cor...how shocking of me!

Pelo que decidi consultar o catálogo da Cin!

Despeço-me com cumprimentos meus e saudações da tia Robinha"

quarta-feira, maio 19, 2010

Petite querreção*

Venho por este meio por cobro a uma piquena incorrecção que graça (se a outra diz poço!) nas boquinhas sujas cá do Paço!

A nossa temperatura mede-se em Celsius....o ºC refere-se a Celsius...à escala de Celsius...!
Não é C de centígrados...!
E já não se usa o termo "centígrado" desde 1948!!!
Actualizem portanto o vosso repertório!



Hotel Novotel em Setúbal (Blheark!)...e Fahrenheit está mal escrito!



Se eu podia não me preocupar com estas questões de lana caprina....?
Podia...só podia e devia...e seria TÃO mais feliz...! Mas a minha neuropatia não tem limites! Humpf!


* sotaque de Cascais já em novo acordo!

sábado, maio 08, 2010

Adágio Portuense do momento

Palabras leba-as o Bento!

quinta-feira, maio 06, 2010

60.000 +

Reparei hoje que passei a marca das 60.000 visitas....não estou em mim de satisfação!

Há uma hora que não paro de guinchar à volta da mesa!

Até já chamaram os bombeiros e o INEM, tudo...!
Os cães da zona não param de uivar...as orcas deram à costa no Canadá desorientadas...rachei o Fabergé e os zircónios da Paula Bobone estilhaçaram...


Se isto continua, atiro-me a um posso!


Em contexto laboral, recebi este mail...triste, hein?

quarta-feira, maio 05, 2010

O lembrete

- Ai tenho tanta coisa para fazer ainda hoje...não me pode passar! - Certificou com tenacidade uma colega minha. - Vou por um lembrete no telemóvel para não me esquecer! - Rematou em triunfo.


Quando encarei a secretária dela e vi isto:



Fui às lágrimas de riso!

domingo, maio 02, 2010

No vale dos reis...(re-run 2 anos depois)

Contexto: Ontem, numa senda de gulodice e movido na mira de uma repetição calórica desenfreada, anuí ao encontro com uma grande amiga nos Pastéis de Belém! (Ai a metonímia tã' linda!)

No local do encontro marcado, deparo-me com a minha amiga, acompanhada de uma colega, que eu nunca tinha visto nem sequer conhecia...chamava-se C!

Ora a C é uma simpática e sorridente rapariga, portadora de um volumoso e assaz notório acrescento feminino estrutural.... vulgo, um valente peito pára-choques-chaimite...


É aqui que tudo me começa a correr menos bem ... E numa fracção de segundos o seguinte atabalhoado ocorre:

O meu olhar esgazeado de espanto perante as avultadas realidades orbiculares tornou-se custoso de disfarçar....e fingi um cisco numa vista, levando os dedos direitos às pálpebras dextras no intuito de disfarçar o mau momento facial....E a atrapalhação gerada empurrou-me fora dos eixos da normalidade educativa e saí-me com:
-Então? Tudo em cima?...

...E ao mesmo tempo, talvez sugestionado pelo meu descabido comentário, desci o meu olhar ao nível dos peitos da C e estaquei a voz...

O silêncio originado pela má frase apregoada e o concomitante mau vector direccional ocupado pela minha vista, rebateu-me à realidade....cerrei os olhos a meio, abri a boca de lábios fechados e pedi perdão à minha amiga com um olhar fugidio e um suspiro irmão...

Entrámos....
Achei por bem, seguir na rectaguarda!...Números, tecidos, suportes e dores de costas atascavam-me o pensamento...

Escolhemos o local mais feng shui ao episódio gastronómico e sentámo-nos....fizémos então os pedidos...
Para não adensar mais à inicial e indelével impressão de frenação mental por mim ocasionada...limitei-me a sorrir que nem um cãozinho de louça, enquanto as duas raparigas rematavam a conversa que tinham vindo a ter....

Nisto, o tfone da minha amiga toca...no visor algo que a transtorna e num ímpeto, indica que precisa atender....que vai demorar....e ordena que comecemos a faina nutritiva sem ela...

Vi-a desaparecer com desespero meu no dobrar da quina...pois o terror de engonhar conversa e sala com a C, tinha tomado proporções equivalentes à do seu peito...

Sugeri o ínicio...e alcancei um pastel de nata...na esperança de mastigar devagar...e assim me conter a maior atrapalho...

A C, metodicamente ordenou os 4 pastéis de nata pedidos...e começou o enfeito dos mesmos com: nada, açucar, canela e finalmente açucar e canela....enquanto me ia descrevendo o porquê daquela estratégia de sabores....
Ao que eu sorria de boca cheia e emitia um sim por movimentos...

A C, abrange o primeiro pastel...e degusta-o....

É aqui que tudo me começa a correr ainda pior ...

Com o trincar inicial praseiroso do dito, fracções da massa exterior estaladiça quebraram e cairam-lhe no decote...e mais se lhes adicionaram por vertiginosa queda com a continuada mastigação...e o montante de flocos somava e seguia "naquele vale V com vista desafogada até ao riacho"....

Nisto comecei a corar....a corar como qualquer inocente atrapalhado, acusado do mais inverosímil crime...corei e esforcei-me por manter o meu olhar longe daquele nadir...

Um esgar inquiridor de C acerca da minha nova cor adquirida, foi prontamente deflectido com um som de mastigar idílico...

Segue-se-lhe o 2ndo pastel....e mais o 3ro....e o efeito plataforma formado pela anatomia dos apêndices acumulhava-lhe cada vez mais fragmentos de massa, na prateleira inata abaixo do queixo....Quanto mais ali caía, mais eu fazia por me perder nos contornos do tecto...

Acabou o 4to pastel, e o limpar final dos lábios saciados adicionou mais açucar e canela ao monte reunido na sua concavidade natural...

Engasguei-me de tão desconfortável....e corei ainda mais...A C, indagava-me de boca fechada...

....

Naquele ponto, não me consegui segurar mais...o esforço sobrenatural para não mencionar o acaso nem o sítio do acaso...caiu por terra....e proferi com toda a educação que me havia falhado desde este início....e encetei com rigor científico...

- Sabes C, conheces o conceito da gravidade....e o conceito superfície que se interpõe à queda livre de um objecto?

A C, continuando de cabeça baixa, soergue apenas o olhar, mantendo a expressão inalterada...e diz que não....nem percebe a minha frase vinda do nada....

Para completar o meu discurso....aponto-lhe para o amplo V...enquanto escarlate me furto ao momento, olhando para a esquina da sala, na debalde esperança de ver assomar a minha amiga em meu salvamento...

A C, olha com dificuldade para baixo....e exclama....

- Oh...Pfff....isto é a história da minha vida....!!! Migalhas nas mamas!!!!


E num desabafo de descompressão quasi-infantil expeli sem consciência:

- Pois pudera....!!! E se lá caísse um pastel, aposto que nem notavas...! - Triste epitáfio o meu e o desta minha noite...


Epítome: ...a certeza de que não fiz uma GRANDE amiga...percorreu-me...

domingo, abril 18, 2010

Coisas que nunca deveriam ser ouvidas da boca de um homem:

- Cuidado com a minha echarpe que vai cair!!!!!


(E a seguir cocei bem os tintins para me sentir bem macho!!!)

quarta-feira, abril 07, 2010

Por cima da Mesa...




Quem merecia um Moche eras tu que escreveste isto!


E mudaram porque eu chamei a atenção....sou tão lindinho não sou? Mas antes disso já o print screen tinha....upa upa!

terça-feira, abril 06, 2010

Ai o bacilo.....ai o bacilo....!!!

Quarta-feira de Abril do ano da Graça do Senhor de 2010...

A alvorada fez-se com foguetes de preocupação quando o estalar do oriente me trouxe à mona que há precisamente 11 anos atrás deveria ter levado o reforço da vacina contra o tétano...

Ou seja, há 11 anos que ando por aí a abanar as penas, em constante perigo bacteriológico!

Zup fora da cama...fatiota pensada, que farto de gente feia e maltrapilha está o centro de saúde e lá fui eu estrada afora com a enxada apoiada nos espaldares (not!).

Chegado à secção devida, dirijo-me à populaça e articulo a seguinte primorosa frase:

- Quem é a última pessoa para as vacinas?

- Sou eu! - responde uma senhora de cabelo bem ulótrico, e olhos encovados por detrás de uns aros de tartaruga, rodeada de prole.

Com a minha mania neurótica das organizações, achando que a cada tipo de vacinação deveria corresponder uma fila específica, insisto com a mesma senhora:

- É para o tétano?

Ao que ela responde, muito solícita:

- Não! É para a minha filha!


...

A bruta gargalhada que dei fez-me passar por insensível... e se calhar......tontinho!

segunda-feira, março 29, 2010

Indignação 5



Há coisas que me fazem comichão!!!! Mas canesten resolve-me isso...


Não tivesse eu a toscanejar e indignava-me também com o facto de tanta gente achar que o David Fonseca canta bem....

sexta-feira, março 26, 2010

Indignação 4

Mas porquê é que eu sinto que tenho de pedir desculpa às pessoas cada vez que digo que não acho PIADINHA NENHUMA aos Gato Fedorento????

Mas é que nem um esgar...me arrancam!!!!

quarta-feira, março 24, 2010

Indignação 3

Hoje indigno-me com um tema que muito perturbou as crianças nos anos 80 e possivelmente lhes causou confusão e stress traumático.

Reparem no He-Man...no seu cabelo louro...e nas suas sobrancelhas pretas...




Agora reparem na She-Ra...no seu cabelo também louro...e nas suas sobrancelhas também elas pretas...




Ora qualquer pessoa com 2 dedos de testa, vai perceber que ou o cabelo ou as sobrancelhas serão pintados, certo?...Voto que fossem morenos e alourassem o cabelo...porque ser louro e escurecer as sobrancelhas parece-me idiota!

Diziam também um do outro à boca cheia que eram irmãos gémeos...!!! Mas a verdade é que nunca foram vistos juntos no mesmo lugar....!

Isto parece-me suspeito...Seriam a mesma pessoa?... Seria She-Ra o alter ego de He-Man no lugar às novas?


Isto é algo que me tem vindo a preocupar e me tem tirado o sono esta semana!


PS: Tou de abalada, vou comprar água oxigenada a 20 volumes...we never know...!

terça-feira, março 23, 2010

Indignação 2

Keira Knightley....


Não percebo o hype todo à volta daquele pãozinh'ázimo!


Sou apenas eu que a acho s'pé feia e desprovida de sal?

segunda-feira, março 22, 2010

Indignação 1

segunda-feira, março 15, 2010

Confissões de um boémio

Ela - Queres vir ajudar a limpar Portugal?

Ele - Eu???....Eu nem o meu quarto limpo!!!!


(ah sinceridade...és tão linda!)

quinta-feira, março 11, 2010

Muppet Babies

Local: Parque das Nações (PDN)

Intervenientes: Multidões de miudagem no PDN...invasão de put@lhada em todas as direcções...qual Influenza tipo A narinas acima de um ranhoso...

No meio da súcia...duas raparigas teenagers, davam aos pedais cada uma no seu mega-triciclo....daqueles que se podem alugar no recinto Expo.

Por contraste...uma dessas raparigas, esguia e ladina no exercício dava às pernas com a leveza de um arco num Stradivarius...a outra...anafada e de faces refulgentes, pedalava e arfava com a graciosidade de um bulldozer encosta acima vencido pelo peso e atrito...


Acção: Naquele preciso instante...a svelte e exercitada piquena....trava a marcha, vira-se para trás contrariada e numa impertinência contumaz implica para a rechonchuda colega:

- É sempre a mesma coisa...sempre a arrastares-te....se é preciso seres tão obesa!!!

A outra, inopinada trava as bochechas em contenção...semi-cerra os olhos bojudos em lacrimijo...e tartamudeia:

- Eu não sou obesa!!!

A elegante...lacónica objecta:

- Não és obesa?...oh por favor....se mais gorda fosses, terias o teu próprio centro gravítico....e todos orbitaríamos ao teu redor....!!!!

E zarpou ao volante do seu bólide plástico deixando a condenada colega afocinhada no tablier do seu triciclo...


Moral da história: E ali acelerou aquela que um dia será licenciada em Física Teórica variante Astrofísica...e para trás ficou aquela que provavelmente a irá assassinar...

quarta-feira, fevereiro 24, 2010

Só cá vim dizer isto!

Depois de enfardar séries televisivas a rodos, e de achar que a minha vida, após um estudo comparativo almejante, tem tanto sentido como um qualquer single dos GNR...peço ao génio da lâmpada uma existência milimetricamente au point e tão charmant como a seguir se lista.

Pois que quero:

A) Pertencer à família Walker (Brothers and Sisters)
B) Ter como vizinhos os irmãos Winchester (Supernatural)
C) Que a minha avó seja a Emily Gilmore (Gilmore Girls)
D) Ter os poderes combinados das Halliwell (Charmed)
E) Poder voltar atrás no tempo e fazer psicoterapia in locus sempre que necessário como a Erica (Being Erica)
F) Trabalhar com a J.J. e co-workers (Criminal Minds)
G) Poder fazer mal a quem me irrita como o Dexter (Dexter)
H) Ter como animal de estimação o Roger (American Dad)
I) Poder comer até rebentar e sem consequência como a Amanda (Ugly Betty)
J) Que a minha vida sexual seja tão ou mais prolífica que a do Hank (Californication)
K) Com vista na alínea J) poder viajar a Bon Temps (True Blood)


E pronto...até ver...é o que se quer...! Menos que isto...não se aceita!


Para terminar e como non sequitur...Onde é que anda o Clemente? Partiu naquela estrada?

segunda-feira, fevereiro 08, 2010

"Message in a bottle" ou vou mijá mas vorto!

Versão Hydrargirum:

Saí alvoroçado na humedecida penumbra e cheguei ao destino excessivamente atempado...a alvorada ainda muito ao longe...o breu circundante e encanecido era perfurado por laivos pálidos de um contabescido amanhecer a tentar vingar...

Cheguei tão estupidamente cedo que perante a tamanha sessão de espera à minha frente pus as mãos no volante e expirei contristado:

- Car@lhos ma fod*m e mais à pressa com que saí de casa!

O alvor ronceiro lá foi subjugando a desditosa escuridão e os primeiros raios de sol cairam troposfera abaixo...o mundo foi também acordando...e o corropio matinal das pessoas em múltiplas direcções foi-se fazendo sentir...e eu, dentro do carro...a morrer de tédio...à espera...e sem poder sair...

Nisto, uma ténue pressão no baixo ventre, cortou o fastio da demora...sobressaltei e engoli em seco perante o prenúncio. Vem aí uma vontade de fazer chichi...identifiquei em calores!

Qual canito abandonado, encostei a cabeça à janela e salivei o vidro de terror entre guinchos ao constatar que mesmo que pudesse sair do carro, não havia nada aberto ao meu redor onde pudesse ir mictar...! O pânico foi aumentando e o volume na bexiga também...

O afã matinal era tal por esta hora, que me coibi de sair do carro e mictar à volta deste!

(...)

A situação atingiu um apogeu tal que me contorcia no assento num misto de suores frios perante a rebentabilidade da bexiga. Não estava a aguentar...estava por demais sobrelotado e periclitante numa gotinha...

Desvario o olhar multíplice qual camaleão em todas as direcções numa vã tentativa de distracção...No meio do corropio e da sessão de contorcionismo prendo o olhar numa garrafa de água por estrear perdida a um canto da porta...franzo o sobrolho e:

- Oh meu Deus...ocorrer-me-á mictar para dentro da garrafa? - Arriscou o meu pensamento tíbio.

O sofrimento era nímio e soçobrei à vontade...urgia-se mijar no receptáculo!!!!

Abro a garrafa e preparo-me para a esvaziar na rua...mas a pena que me deu o desperdício forçou-me a beber a água...(isto só a mim!...A sofrer e conscencioso!)...e assim comecei...

Era a água a entrar por cima...e a pressão a exponenciar por baixo...cada trago era acompanhado de um ai...cada deglutir, de uma contracção dolorosa pélvica.

Não me detive e continuei a emborcar...Bebi e sofri...mas hydratei-me!

Assim que esvaziei a garrafa...cheguei-me o mais que pude à frente do assento e soergui-me...saquei do pene para fora...assumi uma posição pré-coital à garrafa...apontei com decoro ao gargalo e comecei o esguicho....

Esguicho esse que foi espichando em stacatto pois a pressão nos glúteos e o controlo mental requerido para agarrar a garrafa, endireitá-la...agarrar o falo e apontá-lo sem falha e evitar a largada de um pingo no assento...era assoberbante. Mais o stress de ter que travar a bisnaga ocasionalmente e olhar em redor, não fosse alguém estar a ver e a rebarbar com tudo isto!

Agradeci veemente às alturas, pelo volume da garrafa ser superior ao volume do mictado...pois um transbordo teria sido a morte do artista!

Suspirei de alívio...a garrafa quentinha...e nem uma gotinha desperdiçada!


Versão Eça de Queirós:

A garrafa que Hydra viera a abrir naquela manhã de Inverno em Lisboa era de plástico normal, de silhueta recurvada e contornada por sulcos. A tampa azul quando rodada fazia ouvir o estilhaçar do material, decerto evocando a alusiva história de guerra marchetada no brasão do fabricante. O seu interior translúcido foi primeiramente ingerido de vontade contrafeita em goles contrariados para vagar volume à urea porvir. Hydra, nesse instante, enquanto sentado, naquele banco talhado dos mais finos materiais negros Franceses, bordados ao redor por mãos cândidas e experientes e debruados com uma ligeira tarja acinzentada acetinada profere:

- Très chic!

Descobre de seguida o varão que transporta e apontando ao estreito do gargalo, que cintilando à luz como um diamante no pesçoco alvo de uma donzela na côrte, recebe o expelido e avoluma em tons topázio.


Versão José de Saramago:

hydra resolveu fazer chichi numa garrafa que encontrou dentro do carro Espera lá pensou ele de garrafa na mão e falo pendente ao acaso Será que o meu acto mictório neste Interior é passível de me libertar a Alma ainda exortou no meio da ansiedade assim sendo bebeu a água infausta e finalmente lá mictou para que mais tarde a Memória do mictado passado lhe provocasse um sorriso inusitado pela aventura aquática Só a mim redarguiu por fim


Versão Margarida Rebelo Pinto:

Estava dentro do carro e estava aflito para fazer chichi. Estou fo... como diz uma amiga minha. Não podia sair. Vi uma garrafa de água e pensei, uma vez que não há coincidências, que podia esvaziar a garrafa e depois mijar lá para dentro. Assim fiz e regozijei no desporto aquático. Aliás, fazer chichi ali ou não, eu ia fazê-lo de qualquer maneira.

terça-feira, fevereiro 02, 2010

Afrodisia, Actualização, Acefalia

Afrodisia:

Comia eu urbano e com aferro uma saborosa costeleta de bísaro, quando a tv me interrompe o manjar e anuncia que a carne de porco é considerada afrodisíaca...

- Que disparate tão grande! - Volvi eu com desprezo, enquanto nacos de carne e molhanga me caíam pelos queixos abaixo...

Entretanto... disfarcei a bruta erecção que me acometia...



Actualização:

Para quem se intitula como a Ovelha Ranhosa da família... que se desengane....
Diz-se Ovelha Ronhosa....cá nada de ovinos expectorantes!

O povo e o muco...irra!



Acefalia:

Numas bombas da Galp, aqui no latifúndio...




Ampliação para melhor absorver a candura:


Eu por onde ando só faço amigos...não é que o tipo das bombas me queria travar de daguerreotipar o momento?

terça-feira, janeiro 12, 2010

5 manias e uma "vávula"

Pronto, é agora a minha vez de relatar aqui 5 manias:


1- Tenho uma mania Ally Macbeal....Enquanto estou a conversar com outrém, tenho uma tendência incontrolável para pegar nas palavras do interlocutor, que correspondam a letras de canções, e mentalmente sigo a canção a partir desse ponto...por exemplo:

Outrém - Sei lá...isto....às vezes....
Eu mental - ...é no meio do silêncio, que descubro afinal p'ra onde vou...

Outrém - She gets to do it, however you don't!
Eu mental - ...leave me this wayyyyyyy, I can't survive....

Outrém - Ela vem aí para te ver...
Eu mental - ...nesses recantos, onde és senhora do tempo sem fim....

O desafio é então manter-me fiel à conversa e de expressão inalterada....tanto pior quando o diálogo é sério e solene...e tanto pior quando em Inglês. Isto requer esforço de atenção adicional para não perder o tino ao rumo com um lobo e com o outro perpetuar a cantoria...


2- Cada vez que tenho um pensamento negativo, ou antevejo uma possibilidade catastrófica de algo, tenho a mania/necessidade de verbalizar o previsto....para impedir que aconteça....(porque cada vez que penso/prevejo algo, se não o verbalizar acontece!).


3- Tenho a mania de andar à volta do carro e experimentar todas as portas para ver se está efectivamente trancado, apesar de ter sistema centralizado. E de correr a casa, antes de sair, para ver se está tudo desligado e assim...mas isto é mais OCD que mania...

4- Tenho a mania dos cachecóis...um para cada ocasião, cor e padrão....é o ponto alto do Inverno.

5- Faca e superfície, que e onde se corta carne crua, a seguir não se involve na manipulação de vegetais...! Aprendi no UK e não abdico desta mania...




Credo....posto tudo isto, sou uma pessoa doente! Que medo!


...


E para terminar....uma "Vávula"...

Nas bombas da BP do Aeroporto...enquanto passeava os olhos pelas redondezas e "metia" gasoil....


quinta-feira, janeiro 07, 2010

Porque choras criancinha?

Em lamento pela contrariedade da situação diz-me ES ao tfone:

- Já não tenho uma réstia de esperança.....! - Exorta em suspiro esmorecido...


Na vã tentativa do aligeiro à situação retruquei delambido:

- Eu já não tenho é uma réstia de cebolas....!....


Silêncio na linha....a quietude no vácuo....


- O que é uma réstia de cebolas? - afinfa ES tenaz.



E pronto... eis que entro em 2010, com uma linda história de fazer chorar e de apelar à vossa letomania....